Sexta, 01 Outubro 2021 17:43

Integrantes do Sistema destacam a importância do atendimento aos atletas e ex-atletas profissionais Destaque

Avalie este item
(1 Votar)

Participando, virtualmente, da audiência, representando o Sistema, estiveram o diretor socioeducacional Júlio Lirio e o vice-presidente da FAAP, também presidente da AGAP/DF, Paulo Henrique Miotti.

aud9

Em sua fala, o diretor da FAAP, Júlio Lirio destacou a importância do atendimento. “Este sistema é a única alternativa de ajuda à maioria dos jogadores e jogadoras de futebol, após a sofrida carreira futebolística, falo isso por experiência própria, pois aos 29 anos, por motivo de uma séria lesão, tive que abandonar a carreira, entrei em depressão e fui abandonado pelo clube”, relata o diretor.

Lirio relata que é um dos milhares de ex-atletas que conseguiram se formar com o apoio do Sistema e retribui com trabalho voluntário. “Consegui encontrar ajuda no Sistema FAAP/ AGAP e desde então tenho uma vida digna e como forma de agradecimento, faço até hoje este trabalho voluntário como retribuição pelo que recebi. Senhores repito ‘de forma voluntaria’, não recebemos salários para fazer o que fazemos pelo Sistema”, destacou.

O diretor relatou que tem contato direto com ex-atletas de todo o Brasil e é notório como a classe é vista de forma equivocada, sendo classificada como cheia de vantagens. “Muito pelo contrário, a realidade é de salários abaixo do teto mínimo nacional, condições precárias de trabalho, sem assistência educacional e social alguma. Por isso, estamos trabalhando cada vez mais a qualificação do atleta enquanto ele está ativo para que, ao encerrar sua carreira, possa seguir um projeto de vida”.

Júlio destacou que no universo do programa de bolsas de estudo da FAAP, mais de 70% das solicitações são de atletas e ex-atletas que optam pelo curso de Educação Física e destes, mais de 50% conseguem, depois da qualificação, realocação em clubes, escolinhas de futebol ou outras atividades que necessitam do diploma. “Este é apenas um exemplo do trabalho realizado pelo Sistema. Por isso, as emendas nº 1 do deputado Beto Pereira e a de nº 4 do deputado Renildo Calheiros têm como objetivo não apenas corrigir um enorme erro, mas promover justiça à esta classe que nos traz alegria, mas que é tão sofrida”.

Neste sentido, Paulo Henrique Miotti discorreu sobre as dificuldades da carreira futebolística.

aud10

O vice Paulo Henrique Miotti iniciou sua fala citando o ex-atleta Paulo Roberto Falcão, dizendo que “o atleta morre duas vezes, a primeira quando para de jogar e a segunda quando de sua morte natural”, e destacou que é exatamente isso que ocorre com milhares de atletas brasileiros, nas faixas etárias entre 33 e 38 anos, quando encerram a carreira, ainda muito jovens.

“Quando se pensa em atleta profissional, vem à mente salários altos, a fama, o glamour, a glória. No entanto, o que pouca gente conhece é o outro lado da moeda, a maioria convive com o desemprego, o esquecimento social, a falta de estrutura financeira e principalmente com o abalo familiar”, observou Paulo.

O presidente da AGAP/DF destacou ainda que a maioria dos atletas profissionais findam a atividade com o pouco tempo de contribuição para a aposentadoria, falta de qualificação profissional e nenhuma orientação sobre o pós-carreira e, para piorar, doenças surgem como ansiedade, depressão e uso de drogas associadas ao álcool. “Daí a importância do Sistema FAAP/AGAP para atletas, ex-atletas e aos em formação, nas categorias de base, pois nestes mais de 45 anos, a instituição tem beneficiado milhares de atletas em todo o Brasil levando alternativas de novas profissões e auxiliando aqueles necessitam de atenção básica”.

Ao encerrar sua participação, Paulo pediu sensibilidade aos parlamentares e apoio para que o sistema possa reaver a fonte de recursos para continuar o trabalho, assistindo atletas e ex-atletas que tanto necessitam.

Dirceu Lopes, ídolo do futebol brasileiro também deu seu recado, parabenizando o deputado Beto Pereira e demais parlamentares da comissão, por terem dado voz ao Sistema FAAP/AGAP. “Tenho o prazer de fazer parte da diretoria da AGAP/MG, neste quase meio século de existência da entidade. Parabenizo aos deputados Beto Pereira, Celina Leão, Felipe Carreras, Luiz Lima e demais membros da comissão, por terem abraçado esta nobre causa. Esperamos devolver aquilo que é de direito a todos os ex-atletas, aquelas pessoas que estão passando dificuldades”.

RELATÓRIO DE ATENDIMENTOS  

ÍNTEGRA DA AUDIÊNCIA PÚBLICA/

COMISSÃO OUVE FAAP EM AUDIÊNCIA PUBLICA/ 

FAAP APRESENTA NUMERO DE ATENDIMENTO À COMISSÃO/ 

Acesse depoimentos de ex-atletas VIDEO AQUI!/

EMOÇÃO MARCA A AUDIÊNCIA PÚBLICA/

PARLAMENTARES APOIAM A FAAP/ 

Parlamentares se reúnem na sede da FAAP

Compartilhar Notícia

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to Twitter