Quinta, 09 Setembro 2021 19:14

AGAP/PB: Reuniões importantes Destaque

Avalie este item
(1 Votar)

Presidente Marcílio Araújo reúne-se com autoridades na Paraíba em busca de apoio para que a assistência ao atleta e ex-atleta profissional possa ter continuidade. 

Na foto com a vereadora Tide Eduardo

Nas últimas semanas o presidente da AGAP/PB, Marcílio Araújo de Lucena, tem se reunido com várias autoridades do Estado da Paraíba e do cenário nacional, em busca de apoio para a continuidade do sistema de assistência complementar ao atleta profissional, ex-atleta e ao em formação, realizado pelo Sistema FAAP/AGAP há quase 50 anos e que teve, no mês de janeiro deste ano, a decretação de sua extinção, em razão da revogação do artigo 57, da Lei Pelé, que normatizava a fonte de recursos para o atendimento, relegando este público à própria sorte, já que o sistema FAAP/AGAP é a única instituição que apoia o atleta no pós-carreira.

Entre os benefícios prestados pela instituição, que atende atletas e ex-atletas de todo o Brasil e tem afiliadas, com sedes físicas, em 17 unidades da Federação, estão bolsas de estudo para todos os níveis de ensino, auxílios alimentação por meio de cestas básicas, concessão de medicamentos e ajuda funeral. Ainda, programas de capacitação para o mercado de trabalho com educação continuada que dá direito a carteira provisionada; promove o atendimento a doenças crônicas com apoio aos familiares; e até pagamento de contribuições previdenciárias para que o ex-atleta restabeleça o vínculo com o INSS e possa conquistar sua aposentadoria, entre outros. Neste sentido, por ano, milhares de benefícios são concedidos pela FAAP e pelas AGAP em seus estados, auxiliando inúmeras famílias em todo o país.

falcao

Para que este atendimento seja retomado em sua plenitude, parlamentares sensibilizados pela situação estão prestando apoio às emendas de nº 1 e 4 apresentadas ao PL 1153/19, assinadas pelos deputados Beto Pereira (PSDB/MS) e Renildo Calheiros (PCdoB/PE), em tramitação nas comissões Especial e de Esporte da Câmara dos Deputados, que buscam novas fontes de recursos.

Na foto com o deputado Inácio Falcão

Também já aprovaram requerimento para participação da FAAP em audiência pública, a ser realizada em breve, ocasião em que serão  apresentados o trabalho da instituição, benefícios e beneficiados ao longo de todas essas décadas de atuação. 

Beto Gadelha sec e presid PSC

Entre as autoridades contatadas pelo presidente Marcílio, garantindo apoio à causa, estão o deputado estadual Inácio Falcão (PCdoB/PB), que falará com a bancada federal de seu partido no Congresso, reforçando a importância do apoio de todos.

Na foto com Beto Gadelha

Marcílio também recebeu apoio do vereador Waldemir Santana (DEM/PB) e conversou com o secretário de governo Josenildo Alves que é assessor do deputado federal e líder de partido, Efraim Morais Filho (DEM/PB). Santana e Alves garantiram apoio e vão agendar reunião com o líder para que o presidente exponha a situação.  

Outros encontros importantes foram realizados com o secretário do PSC/PB, Beto Gadelha e com o presidente estadual do PSC/PB Renato Gadelha; com a presidente da Câmara de Vereadores de Patos/PB, Tide Eduardo (PSL/PB) e com o secretário de Governo, Gustavo Feliciano, filho do deputado federal Dr. Damião Feliciano (PDT/PB). 

Na foto com Gustavo Feliciano e Josenildo Alves.

Para Marcílio, as reuniões foram fundamentais para conscientizar autoridades da importância do apoio aos atletas e ex-atletas profissionais. 

Na foto com Renato Gadelha e Waldemir Santana

"Os atletas profissionais de forma geral se dedicam a atividade desportiva de forma que não sobra tempo para outras questões, como a preparação para o mercado quando a atividade no esporte for finalizada. A maioria fica sem saber o que fazer, pois cessa a carreira ainda jovem e sem a capacitação para uma nova atividade e é aí que entra o sistema de assistência com o apoio ao estudo e reinserção ao mercado de trabalho, além de todos os demais benefícios que auxiliam os mais necessitados com atenção básica como alimentação e remédios. Por isso, o Congresso precisa retomar as fontes de recursos para que este atendimento tenha continuidade", destacou Marcílio agradecendo às autoridades pela compreensão e apoio.

 

 

Compartilhar Notícia

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to Twitter