Terça, 21 Julho 2020 15:15

Supressão ao artigo 9º do PL 1.013/20 Destaque

Avalie este item
(1 Votar)

Mais um senador pede supressão ao artigo 9º do PL1.013/20

O senador Paulo Rocha (PT/PA) também apresentou Emenda de supressão ao artigo 9º, do PL 1.013/20. 

No texto da Emenda supressiva, o senador destacou que a assistência prestada pela Federação das Associações de Garantia ao Atleta Profissional (FAAP) é fundamental para atletas profissionais, ex-atletas e atletas em formação, com concessão de milhares de benefícios todos os anos e lembrou que a carreira do atleta profissional, notadamente do futebolista, é curta, sem que consigam ganhar o suficiente para o pós carreira. 

“A imensa maioria dos atletas não consegue alcançar o estrelato e uma consequente remuneração que sirva como “colchão’ para quando a carreira esportiva acabar. Assim, o art. 9º do PL 1.013/2020, ao suprimir da Lei Pelé o seu art. 57, que estipula as fontes de custeio da assistência social e educacional aos atletas profissionais e ex-atletas, cria uma situação que certamente jogará na penúria todos os ex-atletas que não tenham conseguido obter sucesso econômico em sua carreira e que dependem da assistência prestada pela FAAP”, destaca no documento. Veja a integra da Emenda em: (https://legis.senado.leg.br/sdleg-getter/documento?dm=8866675&ts=1595251224280&disposition=inline). 

Assim como o senador Paulo Rocha, também se sensibilizaram e oficializaram apoio ao Sistema FAAP/AGAP ou apresentaram emendas à supressão ao artigo 9º, do PL 1.013/20, os senadores:  Eduardo Gomes - MDB/TO; Izalci Lucas - PSDB/DF; Otto Alencar  - PSD/BA; Carlos Viana - PSD/MG; Paulo Paim - PT/RS; Jorge Kajuru - CIDADANIA/GO; Alvaro Dias - PODEMOS/PR; Ciro Nogueira - PP/PI; Veneziano Vital do Rêgo - PSB/PB; Luis Carlos Heinze - PP/RS; Lucas Barreto – PSD/AP; Humberto Costa – PT/PE.

 

 

Compartilhar Notícia

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to Twitter